hipersol
  • Komeco Aquecedores Mais uma grande marca disponível na Hipersol!
  • Hipersol A melhor solução em aquecimento de água.
  • Hipersol Não corra o risco de ficar sem luz.

Funcionamento

Empresa

Demonstramos aqui de forma breve, como funcionam os sistemas de aquecimento solar.

Circulação natural

Neste ambiente temos a instalação do equipamento sem motobomba para forçar a circulação da água. A circulação da agua quente e fria ocorre naturalmente dentro deste sistema.

Para que o sistema funcione é de fundamental importância a instalação correta através de um profissional qualificado, pois este terá de promover a instalação dos componentes com a distância e altura corretas.

O aquecimento é realizado através da captura dos raios solares pelas placas solares e após isto a água aquecida e menos densa (mais leve) sobre naturalmente para o boiler.

Circulação forçada

Em ambientes onde não é possível a instalação do equipamento seguindo os parâmetros necessários para a circulação natural da água, se faz necessário a implantação de um sistema bombeado. Sendo assim, o conjunto de placas pode ser instalado em outra posição, sendo até mesmo acima da caixa de água fria.

O aquecimento solar com circulação forçada possuí um controlador de temperatura que é acionado automaticamente quando percebe diferenciações na temperatura, acionando a motobomba sempre que necessário.

Este controlador é chamado de CDT (controlador diferencial de temperatura) e funciona basicamente verificando a temperatura do primeiro sensor (normalmente mais alta) que fica acoplado ao conjunto de placas com a do segundo sensor (posicionado a tubulação de sucção da motobomba). Ocorrendo diferenças entre as temperaturas, este dispositivo é acionado e liga automaticamente a motobomba, levando a água já aquecida das placas solares para o boiler (reservatório).

Sistemas

Sistemas de alta pressão

Nos casos em que o desnível entre a altura da caixa de água e o reservatório térmico é grande (diferença de até 40 metros), é necessário que seja instalado um armazenador térmico de alta pressão ou até pressurizadores na entrada de água do reservatório.

Reservatório de Alta Pressão

São boilers solares de alta pressão resistentes até no máximo 40 m.c.a ou 4.0 kgf/cm².

O sistema de baixa Pressão é a ideia central do aquecedor solar, onde a pressão de água é obtida pelo próprio reservatório de água fria da residência, ou seja, quanto maior for a altura (mca), maior será o conforto do cliente em seus banhos. Os Reservatórios térmicos de baixa pressão RINNAI suportam 1kgf/cm² (10 metros de coluna d'água).

Sistema solar com apoio a gás

Fornece ao sistema solar uma resposta rápida ao abastecimento de água quente no Boiler em épocas onde a ausência de luz solar se da por longos períodos, como dias nublados, períodos noturnos, entre outros.

Sistema de apoio a gás

A conversão da energia solar através dos coletores que ficam expostos ao ar livre aquecem a água fria da piscina que passa por estes e que retornam a água quente para a piscina novamente com o auxílio de uma bomba de água.

Sistema solar para piscinas

Ligado um ponto de água quente, a agua fria passa pelo aquecedor acionando o dispositivo para acender o queimador. A água segue pela serpentina por toda a camara de combustão onde a água aumenta sua temperatura por ganhar calor do queimador. Uma vez que a água foi aquecida vai para o ponto de distribuição de consumo de água quente.

Esquema de aquecimento de passagem a gás

- Ponto padrão de Gás 
- Tubulação Hidráulica (entrada e saída de água) 
- Pressão de Água (ideal 10 mca) 
- Furo da chaminé (conforme o modelo a ser utilizado) 
- Boa qualidade de água (tratada por concessionária) 
- Duchas adequadas (vazão 8 litros) 
- Local adequado (conforme a norma NBR 13.103) 
- Registros de água quente e fria com misturador em formato Y 
- Ponto elétrico (Digital Line e Onnsen Plus)

O sistema de aquecimento a gás para piscina RINNAI, é o mais moderno e completo do mercado. Com um altíssimo rendimento e baixo consumo de gás, proporciona ao cliente total conforto em sua piscina o ano inteiro.


Componentes de um aquecedor solar

  • Placas Solares
    • Também conhecidos como coletores, estes são instalados nos telhados das casas, indústrias ou outros, onde as placas solares deverão ser posicionadas com orientação para o sol, evitando áreas de sombreamento. Cada placa absorve a energia solar que aquece a água que circula dentro de seu interior.
  • Boiler
    • Reservatório térmico que é instalado na maior parte das vezes, no interior dos telhados. Localizado entre a caixa de água fria e o topo das placas dos coletores. Tem como função o armazenamento e conservação da temperatura da água aquecida pelas placas até o consumo.
  • Caixa D'àgua
    • Reservatório com água fria que abastece os pontos de consumo da residência e ou indústria, além do boiler.
  • Apoio Elétrico
    • Sistema composto por sensor, termostato ou controlador de temperatura e resistência elétrica. Tem como função a sua execução automática para aquecer a água com o uso de energia elétrica em casos onde o mau tempo não permite o aquecimento pelo sol por longos períodos.
  • Abastecimento Água Fria
    • Tubulação que liga a caixa de água fria ao boiler, abastecendo-o de água fria.
  • Abastecimento das Placas
    • Tubulação que liga o boiler às placas, abastecendo-as de água fria.
  • Retorno das Placas
    • Tubulação responsável por levar a água aquecida das placas para o boiler.
  • Água para Consumo
    • Água quente armazenada no boiler que sai para os pontos de consumo.
  • Suspiro
    • Alivia a pressão do boiler em caso de superaquecimento.

Compartilhe!

XHTML Válido